Kia Niro é crossover e elétrico

Reconhecida pelo Soul e Sportage no Brasil, a Kia perdeu mercado pelas bandas de cá. Sem planos de fábrica e com o início do programa Inovar-Auto – que exige investimentos no desenvolvimento e produção de veículos no país -, a marca sul-coreana viu seus números ficarem baixos. Este ano, a Kia quer mudar o jogo e já anunciou suas novidades para o Salão do Automóvel de SP 2016, que abre as portas entre os dias 10 e 20 de novembro, no São Paulo Expo, na Rodovia Imigrantes.

O destaque fica por conta da apresentação do Kia Niro. O modelo é um crossover compacto, bem menor do que o Sportage. É para brigar com Honda HR-V, Peugeot 2008 e Ford EcoSport. O utilitário esportivo tem como diferencia sua tecnologia híbrida. Ganha espaço via Kia Motors EcoDynamics, empresa que valoriza o meio ambiente e tem no seu portfólio modelos como o sedã Optima híbrido e o Soul EV, o primeiro modelo da marca montado sobre uma plataforma ECO, totalmente nova e dedicada ao próximo line-up de modelos verdes.
O Nero foi desenvolvido nos Centros de Design da Kia em Irvine, na Califórnia, e Namyang, na Coreia. O carro tem teto longo e projeções curtas que lhe conferem um perfil mais atlético. Na dianteira, o modelo traz um desenho bastante familiar da marca sul-coreana com destaque para a grade contendo a assinatura da Kia e faróis com desenhos mais agressivos. Os contornos do capô oferecem ao Kia Niro um visual interessante e equilibrado com os arcos das rodas. O modelo foi projetado para contribuir com a aerodinâmica e sua carroçaria foi cuidadosamente projetada e traz um coeficiente aerodinâmico de 0,29.

O espaço interior do Niro usa a distância do entre-eixos de 2.700 mm. Os assentos com maior densidade nas almofadas garantem uma viagem confortável. O Niro é parecido como crossover Soul.

A Kia usa no Niro tecnologia híbrida com baterias de alta tensão localizadas sob os assentos traseiros. Tem um powertrain com motor Kappa 1.6 litro GDI, de quatro cilindros totalmente novo e projetado especificamente para aplicações híbridas. Ao desenvolver 103 cavalos de potência, o novo motor marca a primeira combinação do ciclo Atkinson ao arrefecer-se da recirculação do gás de escape (EGR) para maximizar a eficiência.

No campo ambiental, a Kia garante emissões baixas e usa ainda sistema de recuperação de calor do escape do Kia Niro. O motor de tração de 43 hp, conhecido como o dispositivo elétrico montado na transmissão (TMED), trabalha em conjunto com o motor à gasolina para produzir um desempenho robusto de 146 cavalos de potência e 195 lb-ft de torque.

 

Veja também...

Veja mais
Carregar mais