Bahia tem três equipes no Baja SAE Etapa Nordeste em Salvador

Salvador ganha ares de competição de carro neste fim de semana. Não é prova da Stock Car, a principal modalidade do automobilismo brasileiro. É o programa Baja SAE BRASIL, evento que funciona como um desafio para os estudantes do curso de engenharia e que tem etapa Nordeste a partir desta sexta. .

O Senai Cimatec será o palco das provas da 14º Competição Baja SAE Brasil Etapa Nordeste com equipes dos cursos de engenharia de diversos estados do Nordeste. A entrada é franca e o público pode conferir as provas de avaliação de sexta até domingo, na sede do Senai Cimatec, na Avenida Orlando Gomes, no bairro de Patamares. A Bahia participa com equipes dos cursos de engenharia do Cimatec, UFBA e Unifacs. Os baianos vão em busca do primeiro título da competição mais importante dos cursos de engenharia do Brasil.

Este ano, são cerca de 460 participantes de 22 equipes dos estados da Bahia, Pernambuco, Paraíba, Maranhão, Rio Grande do Norte, Piauí, além do Distrito Federal participam da etapa em Salvador. A Etapa Nordeste do Baja SAE teve início em 2005 em Camaçari, na Bahia. No ano passado, a equipe campeã foi a Cactus da Universidade Federal Rural do Semi-Árido  (UFERSA), de Mossoró (RN).

A turma de competidores tem a oportunidade de aplicar na prática os conhecimentos adquiridos em sala de aula, visando incrementar sua preparação para o mercado de trabalho. Ao participar do programa Baja SAE, o aluno se envolve com um caso real de desenvolvimento de um veículo off road, desde sua concepção, projeto detalhado, construção e testes.

Alunos da equipe Cimatec com o professor Pedro Ventin (cinza)

 

Os alunos que participam do Baja SAE BRASIL devem formar equipes que representarão a Instituição de ensino superior à qual estão ligados. Estas equipes são desafiadas anualmente a participar da competição, que reúne os estudantes e promove a avaliação comparativa dos projetos. No Brasil, a competição nacional recebe o nome de Competição Baja SAE BRASIL e as competições regionais são nomeadas como etapas Sul, Sudeste e Nordeste.

 

As etapas da competição não são complementares e a equipe vencedora do Baja nacional ganha o direito de competir da etapa internacional da prova nos Estados Unidos. O projeto Baja SAE foi criado na Universidade da Carolina do Sul, Estados Unidos, sob a direção do Dr. John F. Stevens, sendo que a primeira competição ocorreu em 1976. O ano de 1991 marcou o início das atividades da SAE BRASIL, que, em 1994, lançava o Projeto Baja SAE BRASIL. No ano seguinte, em 1995, era realizada a primeira competição nacional, na pista Guido Caloi, bairro do Ibirapuera, cidade de São Paulo.

 

 

Veja também...

Veja mais
Carregar mais