CG 160 é a moto mais vendida no Brasil

Depois de um longo período de constante queda de vendas, o setor de duas rodas voltou a ter crescimento de participação de negócios no Brasil. No acumulado de janeiro a maio de 2018, o volume de vendas de motocicletas atingiu a marca de 355.496 unidades comercializadas, um aumento de 2,17% em relação ao mesmo período do ano passado. A japonesa Honda é a grande líder e tem quase 80% da participação de vendas, com 304.614 unidades nos primeiros cinco meses deste ano. É nada mais nada mendos do 79,57% de participação do mercado nacional.

Assim, a Honda emplaca a trinca de motos campeãs no pódio do segmento City, o que mais vende motos em todo o Brasil. A CG 160 é a moto mais vendida no país – com 101.894 unidades comercializadas de janeiro a maio deste ano. A Yamaha é a vice-líder, com 51.084 unidades vendidas, seguida pela chinesa Shineray, que emplacou 4.026 unidades. A outra japonesa Suzuki tem perdido espaço para a chinesa Haojue (3.904) e para a alemã BMW (3.030). A Suzuki emplacou apenas 2.194 unidades de janeiro a maio, ficando na sexta posição entre os fabricantes instalados no país.

Entre as motos mais vendidas no Brasil, a Honda ainda tem dois modelos, a CB 250 F Twister e a CB 125. A Yamaha fecha a lista do Top 5 com os modelos YBR 150 e Fazer 250 no segmento City no Brasil.

 

Confira as motos mais vendidas

1. Honda CG 160 – 101.894

2. Honda CG 250F Twistter – 12.999

3. Honda CG 125 – 12.199

4. Yamaha YBR 150 – 10.108

5. Yamaha Fazer 250 – 5.949

Fonte: Fenabrave Emplacamentos (janeiro/maio 2018)

 

Veja também...

Veja mais
Carregar mais