Civic 2020 ganha nova versão de entrada, a LX

A Honda lançou o Civic 2020. A 10ª geração do sedã da marca japonesa surgiu em uma coletiva virtual, via internet, com novidades, como a nova configuração LX, melhorias nos detalhes da carroceria e pacote recheado de equipamentos. Ganhou leves mudanças no visual e itens a mais para brigar com o rival Toyota Corolla no mercado brasileiro.

O Civic 2020 inclui a nova versão LX ar-condicionado digital, freio de estacionamento eletrônico com função Brake-Hold, controle de cruzeiro, botão ECON de modo de condução econômico, vidros elétricos com função “um toque” para subida/descida em todas as posições, sistema de áudio (cinco polegadas para a versão LX e sete polegadas touchscreen com Apple CarPlay e Android Auto para demais versões) e comandos no volante, câmera para manobras em ré, bem como rodas de liga leve de 17 polegadas e transmissão CVT em todas as versões.

O Civic tem agora o novo sistema de monitoramento de pressão dos pneus (TPMS). A tecnologia monitora, por meio do sistema VSA (controle de tração e estabilidade), se uma das rodas tem sua pressão reduzida, indicando no painel a anormalidade para o condutor. A linha 2020 chega com as versões LX (R$ 97.900), Sport (R$ 104.100), EX (R$ 107.600), EXL (R$ 112.600) e Touring (R$ 134.900).

A versão Sport ganha o acendimento automático dos faróis de série, além de receber o multimídia touchscreen de 7 polegadas, com conectividade com Apple CarPlay e Android Auto. Já o modelo EX traz o sistema de áudio com oito alto-falantes, bancos em couro e retrovisor interno fotocrômico. O modelo EXL tem sensor de chuva e o sistema Smart Key, que elimina a necessidade da chave para a abertura e partida do veículo – que agora é feita por meio do botão Push Start. Outra novidade que amplia o conforto para os ocupantes da versão EXL – e que também passa a ser oferecida na versão Touring – é a adição de saídas do ar-condicionado para os ocupantes do banco traseiro. Essa novidade é combinada ao sistema de ar-condicionado dual-zone presente nestas duas versões.

A pegada mais esportiva está no Civic Touring com sistema Premium Audio, de 452 watts de potência e 10 alto falantes, incluindo alto falante central e subwoofer, que ampliam a qualidade do som para os ocupantes. A versão Touring vem com sistema de recarga de celulares sem fio no console central, por indução, bem como o assento elétrico do motorista ganha ajuste lombar com quatro direções por botões, permitindo um acerto mais preciso e confortável da posição de direção.

Sob o capô, tudo igual, A Honda oferece duas opções de motor. O Civic vem equipado com o motor 2.0 i-VTEC FlexOne, de 155 cv a 6.300 rpm e 19.5 kgfm a 4.800 rpm no etanol, nas versões LX, EX, EXL e Sport. A transmissão é a continuamente variável (CVT), que siumla sete marchas simuladas e podem ser trocadas por borboletas atrás do volante nas versões Sport, EX e EXL.

O motor 1.5, de quatro cilindros, equipa a versão Touring e é dotada de turbo de baixa inércia, injeção direta, variação de tempo de abertura de válvulas (VTC) e válvula wastegate eletrônica. São 173 cv a 5.500 rpm, com o torque linear de 22.4 kgfm entre 1.700 rpm a 5.500 rpm. Este propulsor é acoplado a uma nova transmissão continuamente variável.

O Civic 2020 possui diversas opções de cores, de acordo com a versão. Para todos, são disponibilizadas as cores Branco Tafetá (sólida), Prata Platinum (metálica), Preto Cristal (perolizada) e Branco Estelar (perolizada especial). Os modelos LX, EX, EXL e Touring também estão disponíveis nas cores Cinza Barium e Azul Cósmico (metálicas).

Nos modelos equipados com bancos de couro (EX, EXL e Touring), a cor do revestimento varia conforme a cor externa: interior cinza para as tonalidades Cinza Barium, Azul Cósmico e Branco Estelar e interior preto para as tonalidades Branco Tafetá, Prata Platinum e Preto Cristal.

 

 

Veja também...

Veja mais
Carregar mais