Dicas para você vender carro seminovo

Vender um seminovo para uma pessoa física pode ser melhor do que fazer negócio por meio de uma concessionária, porque você certamente conseguirá se desfazer do veículo por um preço muito próximo do que deseja. No entanto, além de ter que investir tempo e esforço durante meses é preciso tomar alguns cuidados para que a venda seja realmente vantajosa.

“O número de fraudes nas vendas de autos entre pessoas físicas ainda é grande. Nesse tipo de negociação, é preciso ter atenção, pois o Código de Defesa do Consumidor não protege nenhuma das partes. Já quando a venda ocorre entre pessoa física e jurídica, o consumidor passa a ter direitos.” explica o sócio-fundador da Volanty, plataforma online que conecta vendedores e compradores de carros seminovos, Maurício Feldman.

E para evitar golpes e problemas durante a negociação, veja algumas dicas para não ter dor de cabeça durante o processo de compra. Confira!

Não divulgue dados pessoais

A indicação é ter cuidado ao colocar informações como telefone e endereço no anúncio, pois esses dados podem ser usados por criminosos para aplicar golpes no próprio consumidor. Para não correr riscos e evitar a troca desse tipo de informação, utilize as principais plataformas de compra e venda de carros. Na Volanty, por exemplo, toda a negociação é feita pela empresa. Assim, além da segurança, o vendedor não precisa lidar com desconhecidos e nem receber mensagens de curiosos.

Cuidado na hora de apresentar o veículo

Alguns imprevistos podem acontecer no momento em que o consumidor for apresentar o carro para os interessados. Por isso, ao mostrar o auto para um potencial comprador, marque o encontro em um local movimentado, exposto e aberto.

Calotes

Para evitar problemas em relação ao pagamento, a opção mais segura é receber em dinheiro ou transferência bancária. É importante negociar e definir todos os detalhes antes de fechar o negócio. Outra dica indispensável ao vender para particular é: não transfira a titularidade do bem até que tenha a confirmação do pagamento integral. Dessa forma, você terá uma garantia caso não receba o valor previamente acordado.

Economize tempo e dinheiro

Ao vender o carro para pessoas físicas, pode ser necessário mostrá-lo para diversas pessoas antes de encontrar o comprador certo, o que pode levar meses de dedicação. Para que o processo cause menos dor de cabeça, seja o mais transparente possível anuncie de forma clara, declare débitos e pendências estaduais, caso elas existam, além de qualquer outro tipo de surpresa desagradável. Uma ótima alternativa é a intermediação de uma empresa como a Volanty para vender um seminovo para particulares sem prejuízos ou dores de cabeça. Ao utilizar um marketplace digital, o consumidor está protegido além de não precisar se preocupar com a tão temida burocracia.

Fonte: Volanty Assessoria de Imprensa

Veja também...

Veja mais
Carregar mais