COMPARTILHAR

Roberto Nunes, em São Paulo

A terceira geração do Equinox chega ao Brasil para entrar na briga com Jeep Compass, Hyundai New Tucson, Peugeot 3008 e a gama de modelos alemães (Audi, BMW e Mercedes-Benz), todos menos equipados e menos potentes também. Desembarca direto do México em versão topo da gama Premier com um recheio de equipamentos de tirar o fôlego e de mecânica mais forte despejada pelo motor 2.0 turbo, com 262 cavalos, auxiliada pela transmissão automática de 9 velocidades e a tração integral 4×4.

O Equinox é um SUV médio com porte avantajado, nível elevado de equipamentos e de tecnologia embarcada e conforto para fazer inveja aos rivais. Para mostrar que aposta forte no novo utilitário esportivo, a Chevrolet entrega o carro por R$ 149.900, valor fechado para a versão Premier.

Carro chega com itens exclusivos como o teto solar elétrico e panorâmico
Carro chega com itens exclusivos como o teto solar elétrico e panorâmico

Esta configuração completa eleva o nível dos modelos deste segmento, e a Chevrolet tem meta fechada para vender este ano 700 unidades em todo o Brasil.

O visual do Equinox enaltece o padrão global da Chevrolet e valoriza o pacotaço de equipamentos. Sua frente tem faróis afilados integrados à grade, vincos fortes nas laterais e rodas de alumínio com aro 19 polegadas. Na traseira, linhas horizontais e o aerofólio sobre a tampa do porta-malas. Na parte baixa, há duas saídas de escape.

Mas o Equinox se destaca na sua lista de itens. Tem abertura das portas e alarme anti-furto através de sensor de aproximação na chave, acendimento automático dos faróis através de sensor crepuscular, apliques decorativos no painel central e nas portas dianteiras em LED, ar-condicionado dual zone com controle eletrônico de temperatura e sistema de recirculação e dutos de ar para o banco traseiro.

IMG_20171020_125654721

A Chevrolet inclui seus dispositivos de auxílio e de segurança, como controles de áudio e telefonia no volante, controle de velocidade em declive (Hill Descent Control), assistente de partida em aclive (Hill Start Assist), chave presencial eletrônica, coluna de direção com regulagem em altura e profundidade, computador de bordo com tela de LCD colorida, com cinco modos, além de controlador de velocidade de cruzeiro, direção elétrica progressiva e espelhos retrovisores externos elétricos, aquecidos, com indicador de direção e rebatimento elétrico.

A partida do motor do Equinox é por meio de um botão no console central, podendo assim deixar a chave presencial no bolso ou mesmo em um dos porta-copos espalhados pelo interior do carro. Além do acabamento caprichado no painel de instrumentos, o novo veículo da Chevrolet valoriza os mimos para o condutor e, também, para os passageiros. Há espelho retrovisor interno eletrocrômico, freio de estacionamento elétrico, sensor de chuva com ajuste automático de intensidade e sistema de partida do motor por controle remoto com acionamento do ar-condicionado.

Grandalhão

O Equinox é bem maior em relação ao seu antecessor Captiva. São 4.652 mm de comprimento, 2.105 mm de largura e 1.695 mm de altura. A Chevrolet eliminou o vão central e deixa assim mais espaço para quem anda no banco traseiro. Seu porta-malas é generoso e consegue transportar 468 litros, sem o rebatimento dos bancos – assim, é possível ter 1.627 litros.

Além do visual, mecânica e pacote de itens atualizados, o Equinox traz agora bons materiais nos revestidos das portas e do painel. Seu interior pode vir nos tons Preto Jet Black e Cinza Medium Ash Gray. O painel traz peças decoradas com metalização acetinada nas saídas de ar, na moldura central de instrumentos, no console e no volante.

Segurança

No test drive realizado de São Paulo até o condomínio Porto São Pedro, a Chevrolet valorizou o trajeto em situações urbanas e rodoviárias, com trechos de subidas e de curvas mais acentuadas. O Equinox é um carro extremamente seguro, com sistemas modernos e precisos.

Motor 2.0 turbo com injeção direta de gasolina gera 262 cavalos
Motor 2.0 turbo com injeção direta de gasolina gera 262 cavalos

Seu motor 2.0 turbo, de duplo fluxo com injeção direta de gasolina, entrega 262 cavalos e 37 kgfm de torque, empurrando o carro na distância de 0 a 100 km/h em apenas 7,6 segundos. De acordo com os dados da montadora, cerca de 90% do pico de torque está disponível de 2.000 rpm a 5.600 rpm. Este é o mesmo coração nervoso do Camaro norte-americano.

Isso faz com que o Equinox – que pesa 1.693 kg – ande macio. A Chevrolet equipa ainda o SUV com sistema Stop/Start, que desliga o motor temporariamente em paradas para poupar combustível, para garantir melhor eficiência energética.

O veículo vem equipado com frenagem automática de emergência (AEB): caso o veículo esteja trafegando entre de 8 km/h a 80 km/h e detecte a iminência de uma colisão frontal sem qualquer reação do condutor, um alerta é acionado e os freios são ativados automaticamente,  função de pré-ativação dos freios (acelera o tempo de resposta dos freios e ajudar a encurtar distâncias de parada), sistema de compensação de frenagem, além de assistência de frenagem de emergência (PBA), alerta de colisão frontal, sistema de permanência na faixa e conjunto ótico com fachos de luz mais altos.

A Chevrolet incluiu também alerta de ponto cego com sensor de aproximação repentina, controle eletrônico de tração e de estabilidade, alerta de esquecimento de pessoas ou objetos no banco traseiro e câmera de ré com linhas guias e alerta de tráfego cruzado traseiro.

O pacote de entretenimento e de conectividade é um ponto alto no Equinox. O carro tem sistema de som de alta fidelidade com (5) alto-falantes e (2) woofers da marca Bose, além de banco do motorista com ajuste elétrico (incluindo o lombar) com duas opções de memória, teto solar elétrico panorâmico e sistema semi-autônomo de estacionamento para vagas paralelas e perpendiculares.

O multimídia MyLink com OnStar é um dos mais modernos
O multimídia MyLink com OnStar é um dos mais modernos

Seu sistema multimídia MyLink com OnStar vem com tela capacitiva de oito polegadas, GPS e compatibilidade com Apple CarPlay e Android Auto. Todo mundo já sabe que é possível interagir com determinados aplicativos através da tela do veículo ou pelo sistema de comando de voz a fim de evitar distrações.

O Equinox 2018 é equipado ainda com um compartimento no console central capaz de carregar o smartphone via indução eletromagnética.

O jornalista viajou a convite da Chevrolet do Brasil

COMPARTILHAR
Artigo anteriorSUVs urbanos e suas estratégias
Próximo artigoKwid ou Mobi; quem desbanca Onix?
O site AUTOS&MOTOS reúne a opinião e a produção de textos do jornalista automotivo Roberto Nunes. Mande suas sugestões e críticas para o e-mail mr.robertonunes@autosemotos.com Acompanhe as redes sociais pelo instagram - @autosemotostv ou @ nunes_roberto - e pelo twitter - @autosemotostv e @nunesautobrasil. Siga a fanpage do Autos&Motos no facebook. Inscreve-ase no canal do YouTube www.youtube.com/autosemotostv

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA