Jeep Wrangler entra na lista do recall; apresenta problema na coluna de direção

Já está sendo comum e normal a prática do recall na indústria de carros. Todas as marcas já anunciaram um comunicado com informações de veículos que apresentam defeito de fabricação em um dos componentes de segurança. O Procon de São Paulo tem feito um trabalho de divulgação dos casos de recall de automóveis e, consequentemente, de orientação dos consumidores. Desta vez, o Procon=SP orienta os consumidores sobre seus direitos, no que diz respeito ao recall dos veículos Wrangler ano/modelo 2019 e 2020, chassis (não sequenciais) KW562465 a LW275126.
O órgão de defesa do consumidor indica ainda que a FCA (Fiat Chrysler Automóveis Brasil LTDA.) deve apresentar os esclarecimentos que se fizerem necessários, conforme determina o Código de Defesa do Consumidor, inclusive com informações claras e precisas sobre os riscos para o consumidor. No comunicado a empresa informa ter identificada a possibilidade de o chicote elétrico entrar em contato com outros componentes da coluna de direção, resultando em um curto-circuito, acarretando danos em um ou mais circuitos. Essa falha poderá resultar na perda da assistência da direção elétrica e/ou no desligamento inesperado do motor, causando acidentes, com consequentes danos físicos graves ou até mesmo fatais aos ocupantes do veículo ou a terceiros.

Os proprietários dos veículos envolvidos deverão agendar junto a uma concessionária JEEP, a inspeção, o reposicionamento e, se necessário, a substituição do chicote elétrico da coluna de direção. Para obter mais informações, acesse www.jeep.com.br ou contate a Central de Serviços ao Cliente JEEP pelo WhatsApp (31) 2123 4000 ou pelo telefone 0800 703 7150.

Os consumidores que sofreram algum tipo de acidente poderão solicitar, por meio do Judiciário, a reparação dos danos eventualmente sofridos.

Veja também...

Veja mais
Carregar mais