Mercedes-AMG G 63, um ícone dos utilitários

Referência entre os veículos fora de estrada de alta performance, o Mercedes-AMG G 63 passou pela maior mudança em sua história. Ele manteve suas formas clássicas (marcadas pelas linhas retas e pela silhueta em forma de caixa, que o caracterizam desde 1979, ano de seu lançamento), mas se distingue pela construção refinada, pelo acabamento interno mais luxuoso e pelo alto nível de conforto acústico e de rodagem.

O novo Mercedes-AMG G 63 chegou ao Brasil acompanhado da edição especial de lançamento G 63 Edition 1, com acabamento especial, grade inspirada nos veículos de competição da marca dos anos 50, salientes molduras das rodas (que são de liga leve e têm 22 polegadas), capô imponente, faróis redondos com facho alto inteligente, piscas destacados, faixas protetoras no tom preto brilhante, emblema prateado, estrela tridimensional e marcantes ponteiras laterais de escape, além de estepe exposto na porta traseira, com cobertura de aço inoxidável.

O para-choque dianteiro vem com grandes entradas de ar laterais e com um friso em tom prata irídio fosco. Cada um dos faróis utiliza 84 módulos de led de alta performance, com facho de luz extremamente forte e preciso, mas que não ofusca outros motoristas. E a luz de neblina foi aperfeiçoada, permitindo que o farol do lado do motorista ilumine melhor o lado esquerdo da estrada e reduzindo o reflexo da luz na neblina.

Mecanicamente, o destaque vai para o novo motor 4.0 V8 biturbo de 585 cavalos de potência, acoplado a uma transmissão automática de 9 velocidades e a uma tração integral que privilegia a traseira, oferecendo 3 tipos de bloqueios do diferencial.

Traz ainda direção eletromecânica, sistema Start-Stop, freios a disco perfurados (com pinças pintadas de vermelho), nova suspensão com amortecimento ajustável adaptativo (sendo que a dianteira é independente e tem braços em V) e modos de condução específicos da AMG (5 modos on-road e 3 modos off-road: areia, trilha e pedra), além do modo “roda livre”.

Dentro, a atração principal é o painel de instrumentos no formato widescreen: são duas telas de 12,3 polegadas, que se fundem sob uma cobertura de vidro e que são personalizáveis. O formato dos faróis redondos é replicado nas saídas laterais do ar-condicionado e o dos piscas é replicado nos tweeters do painel. As marcas registradas do Mercedes G 63 AMG também incluem grande alça no painel e interruptores cromados para os 3 bloqueios de diferencial. Traz ainda volante revestido de couro napa com parte inferior plana e perfurado na área de contato das mãos, além de vir com as palhetas do câmbio galvanizadas.

ESPECIAL – O novo Mercedes-AMG G 63 é oferecido na versão especial Edition 1, nas cores cinza ou preta e trazendo faixas laterais cinza fosco, retrovisores com faixa vermelha e o pacote AMG Night, com detalhes em tom preto brilhante e faróis, lanternas, piscas e janelas traseira e laterais traseiras escurecidas. A pintura preta nos retrovisores, no anel do estepe e no acabamento nos para-choques, junto com a proteção inferior preta, reforçam a aparência, complementada por rodas pretas foscas de 22 polegadas, com raios cruzados e bordas vermelhas.

Os destaques vermelhos continuam no interior, encontrados nas costuras contrastantes do suporte do painel, do console central, dos painéis das portas e do banco traseiro. Os bancos dianteiros em couro napa têm as cores preto e vermelho e padronagem diamante, com costuras vermelhas contrastantes. O acabamento em fibra de carbono tem destaques vermelhos e o volante é revestido em microfibra com a parte inferior plana e decorado com costura contrastante vermelha e uma marca vermelha de 12 horas.

Fonte: Site www.autodestaque.net;br

Veja também...

Veja mais
Carregar mais