Neo 125 briga com Biz e Burgman

O segmento de scooters ganhou a nova Neo 125. Típico modelo para áreas urbanas, a motinha da Yamaha chega com atributos como praticidade para pilotar, desenho moderno e valor competitivo no mercado brasileiro. Tem preço de R$ 7.990 (mais frete) e começa a ser vendida na segunda quinzena de outubro em todo o país.

A Yamaha movimenta o mercado e a Neo 125 é o quinto modelo a ser lançado no Brasil. Ao longo deste ano, chegaram o scooter Nmax, a naked MT-03 e as novas Factor 125, além da Fazer.

O scooter Neo 125 será posicionado para brigar com Honda Biz (R$ 8.790) e Suzuki Burgman 125 (R$ 9.490). O modelo vem equipado com motor 125 cc SOHC (com tecnologia DiaSil) gasolina, de duas válvulas, com injeção eletrônica e arrefecimento a ar, que gera 9,8 cv de potência, e câmbio automático CVC.

ste_4828Para garantir o bom desempenho urbano, são apenas 96 kg (mais leve da categoria) de peso. A Yamaha Neo 125 tem faróis em LED, rodas raio 14 (dianteira 80/80 e traseira 80/90), freios UBS (que divide a força entres as rodas dianteira e traseira na proporção 30/70%. Há ainda a função ECO  (auxilia na condução mais econômica), gancho para bolsa e dois ganchos para capacete, baú de 14L (comporta um capacete aberto tipo jet), além de alça na garupa, descanso lateral auto stop (desliga a scooter ao ser armado) e chave bloqueadora.

Chega ao mercado nas cores vermelha, cinza e branca e promete consumo médio de 40 km/L e tem capacidade de carga de até 155 kg.

Veja também...

Veja mais
Carregar mais