Novo extrapesado Actros com motor de 530 cavalos entra em operação na Botuverá

A Mercedes-Benz começa a entregar o novo Actros 2653 6×4 com motor de 530 cavalos pelo Brasil. O caminhão é o mais potente da Mercedes-Benz no mercado brasileiro. A Transportes Botuverá, de Rondonópolis (MT), é o primeiro cliente a receber esse extrapesado para teste de demonstração em suas operações no transporte de grãos.

Tradicional parceiro da Mercedes-Benz, a Botuverá, com 40 anos de experiência no transporte de cargas, também está testando o modelo Novo Actros 2651 de 510 cavalos. “Missão dada é missão cumprida”, diz Roberto Leoncini, vice-presidente de Vendas e Marketing Caminhões e Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil. “Durante um ano, o Novo Actros 2653 6×4 será utilizado nas operações da transportadora, a fim de demonstrar seus atributos de desempenho, economia, produtividade, robustez, avançada tecnologia, segurança e conforto para o motorista.

“É um privilégio enorme para a Botuverá ser a primeira empresa de transporte do Brasil fazer testes de demonstração com o Novo Actros de 530 cavalos”, diz o diretor executivo Adelino Bissoni. “Isso já tinha acontecido anteriormente com o Novo Actros de outra faixa de potência. Agradeço a parceria com a Mercedes-Benz. É uma honra participar novamente de testes com caminhões da marca em nossas operações”.

Segundo o cliente, “recebemos o caminhão mais tecnológico que há no Brasil hoje e no mundo, com esse motor de 530 cavalos que se destaca pela potência e pela eficiência no consumo. É isso que a gente espera, porque o caminhão mais econômico hoje no mercado é o Mercedes-Benz”, atesta Adelino Bissoni.

Com uma frota própria superior a 180 veículos e 2 mil transportadores agregados, a Botuverá atua no transporte de grãos, fertilizantes e defensivos, pluma de algodão, açúcar, combustível e outros. A fabricante oferece o novo motor OM 471 com o câmbio automatizado G291. Tem ainda a nova aerodinâmica da cabina com disponibilidade de defletores, o inédito sistema de retrovisores com câmeras digitais MirrorCam, o piloto automático preditivo e a versão 6×4 com suspensor. “Esse novo motor é mais um marco para a Mercedes-Benz no Brasil. Nós fomos até as instalações dos clientes e percebemos que para realizar algumas operações rodoviárias específicas, eles precisavam de um motor mais potente e econômico. Dessa forma, desenvolvemos o OM 471, que oferece alto torque com baixa rotação, redução no consumo de combustível e baixo custo operacional durante seu ciclo de vida devido a longos intervalos de manutenção”, ressalta Leoncini. 

O motor Mercedes-Benz OM 471 tem sistema de injeção eletrônica CDI (Common-Rail) X-Pulse com multiplicador de pressão, que se caracteriza pelo volume de 13 litros, 6 cilindros em linha e duplo comando de válvulas DOHC (2 de admissão e 2 de escape por cilindro). Entre as vantagens do OM 471 para os clientes destaca-se também o sistema de alta performance do freio-motor, o que amplia ainda mais o já alto nível de segurança para o motorista, o caminhão e os demais veículos da via. São cerca de 560 cv de potência de frenagem, a maior do mercado, dispensando assim o uso de retarder, e proporcionando menor custo de aquisição, manutenção e peso.

Veja também...

Veja mais
Carregar mais