Onix é o mais vendido no Brasil

Lançado em 2012, o Onix chegou ao topo. Pelo segundo ano consecutivo, o hatch da Chevrolet é o carro mais vendido no Brasil (2015/2016). O Onix tirou de cena carros já consagrados, como o Gol e o Palio. Para garantir um bom volume de vendas, a Chevrolet usa a fórmula de dois em um (uma carroceria antiga e outra mais moderna).

Além disso, o Onix vem equipado com pacote justo de itens de comodidade e conectividade. Há dois extremos: o Onix Joy, mais simples, e o Onix Activ, com nova carroceria, direção elétrica, OnStar, MyLink com Android Auto e Apple CarPlay, sensor de estacionamento, faróis com LED e monitoramento da pressão dos pneus.

joy 1

Na base do hatch, está a versão Joy. Equipado com o motor 1.0 16V, o Onix Joy fica distante da tão badalada tecnologia de motos de três cilindros. O hatch tem desempenho urbano razoável e isso depende e muito do pé do motorista. São 80 cavalos no motor 1.0 flex com a opção do câmbio manual de seis marchas e a inédita direção elétrica, mais leve e eficiente nas manobras urbanas.

O motor 1.0 16V flex gera 80 cavalos de potência máxima

Tem valor de R$ 38.990 e vem com equipamentos básicos, entre os obrigatórios e mimos essenciais. O hatch vem de série com ar-condicionado, airbag duplo, rodas de 14 polegadas e freios com ABS e EBD. Aproveitando as mudanças mais radicais nas outras versões com carroceria totalmente renovada, a Chevrolet oferece o Joy com suspensão recalibrada. Hoje, a carroceria antiga convive com a novíssima. Assim, fica à critério do comprador levar para casa o Joy ou uma das configurações (LT, LTZ e a topo Activ), com a opção dos motores 1.0 e 1.4, além da transmissão automática de seis velocidades.

onix 2

O Onix Joy é um carro simples. Mas a Chevrolet entrega um carro com painel de instrumentos com mostradores bem visíveis. Seu multimídia traz itens básicos de conectividade, como bluetooth. No portfólio da Chevrolet, o Onix Joy é o substituto do Celta. É um hatch maior e mais “amigo” do dono. Fica a desejar nas soluções para deixar os comandos dos vidros elétricos perto do carona também – os comandos estão no console central.

A Chevrolet opta por travamento manual das portas, todas – com exceção a do motorista – têm trava nas maçanetas internas, tendo que empurrar a peça ao estilo dos carros da década de 90. Isso quer dizer: se o motorista fechar sua porta com a chave, as outras portas continuam abertas.

O Onix Joy vem com a boa direção elétrica, item que deixou o hatch mais na mão para manobras na cidade. Espere um carro prático – sem luxo extra como comandos do rádio no volante – , esperto na cidade e na estrada e com alto poder de revenda em todo o Brasil.

Veja também...

Veja mais
Carregar mais