Prius, SW4 e Hilux entram no recall

A japonesa Toyota anunciou a abertura da Campanha de Chamamento Preventiva dos veículos Hilux, SW4 e Prius. No total, são 8.435 unidades da picape Hilux, 1.537 unidades do utilitário SW4 e 62 unidades do híbrido Prius

O recall é um mal necessário. Nos últimos anos, há carros recém-lançados e já entram na lista do recall, como a Fiat Toro e o Renault Kwid. Dados do Procon informam que pelo menos 1.8 milhão de automóveis – exatos 1.853.984 carros – foram convocados para recall ao longo de 2017 – número superior ao de 1,5 milhão de unidades em 2016.

O ano de 2018 já incluiu modelos Toyota na lista de veículos com defeito de fabricação na indústria automotiva brasileira. A marca japonesa anunciou a abertura da Campanha de Chamamento Preventiva dos veículos Hilux, SW4 e Prius. No total, são 8.435 unidades da picape Hilux, 1.537 unidades do utilitário SW4 e 62 unidades do híbrido Prius.

Os carros em questão devem passar por um serviço de verificação em uma concessionária para a checagem do sistema de airbag. De acordo com o comunicado da Toyota, existe a possibilidade de alguns dos sensores do sistema de airbag apresentarem uma falha interna. “Se isso ocorrer, a luz de advertência do airbag acenderá no painel do veículo e, na hipótese de um acidente automobilístico que reúna as condições para a deflagração do(s) airbag(s), os ocupantes poderão ficar sem este recurso suplementar de segurança, pois os seus airbags frontais, laterais e/ou de cortina (se aplicável) não serão acionados”, informa o comunicado.

Toyota-Hilux-SR-Challenge-2018-5

Por conta deste problema, há risco de falha e do não acionamento dos airbags frontais, laterais e/ou de cortina (se aplicável), “na hipótese de um acidente automobilístico que reúna as condições para a deflagração da(s) bolsa(s) do airbag. Como implicação da não deflagração do airbag, há o aumento do risco de lesões físicas graves aos ocupantes do veículo”.

O serviço deve ser agendado em uma revenda Toyota para a realização da verificação a partir de 26 de março de 2018. A inspeção é gratuita como também a possível troca da peça defeituosa nos modelos Toyota.

Maiores informações podem ser adquiridas na Rede de Concessionárias Autorizadas Toyota ou Lexus, para agendamento prévio ou, então, pelo site www.toyota.com.br/web-agenda.

 

 

Veja também...

Veja mais
Carregar mais