COMPARTILHAR

A Mercedes-Benz apresenta recentemente o Urban eTruck, o primeiro caminhão totalmente elétrico com PBT de 26 toneladas. Agora, a Scania traz um modelo abastecido com biometano e GNV. Primeiro ônibus nessa configuração no Brasil, o modelo da marca sueca inicia uma fase de demonstrações; teve seu primeiro destino para a cidade de Sorocaba, no interior paulista.

A Scania aposta em uma linha de ônibus com motor a gás veicular natural (GNV/biometano). São três modelos: o K 280 4×2 pode receber carrocerias de 12,5 a 13,20 metros de comprimento e levar de 86 a 100 passageiros; o K 280 6×2, de 15 metros de comprimento, tem dois eixos direcionais e capacidade para até 130 passageiros. Os dois ônibus vêm equipados com o mesmo tipo de motor com 280 cavalos. O terceiro modelo é o articulado K 320 6×2/2. Tem dimesão de 18 metros e capacidade para 160 ocupantes, com propulsor mais potente de 320 cavalos.

O primeiro ônibus movido a biometano e GNV é da Scania. É o modelo K 280 6×2, de 15 metros, com capacidade para até 130 passageiros. A engenharia da marca sueca fez acompnhamentos das condições de uso dos modelos no Brasil. Com o ônibus abastecido de gás natural veicular (GNV), a Scania realizou cinco testes no ano passado, realizando viagens para Sorocaba (SP), depois por Londrina (PR), Florianópolis (SC), São José dos Campos (SP) e pela capital paulista.

Em São Paulo, a Scania rodou com seus modelos entre os meses de junho e agosto de 2015. No período, o veículo rodou 5.000 km movido a gás, e os resultados foram aferidos pela Netz Engenharia Automotiva.  De acordo com o levantamento feito pela engenharia da Scania, o “teste idôneo de campo monitorado pela Netz consistiu em pôr o veículo a gás para acompanhar um ônibus similar a diesel (chamada operação sombra) num total de 12 semanas por duas linhas do Sistema SPTrans”.

No final, de acordo com os dados da fabricante sueca, o custo por km do GNV foi 28% inferior ao do diesel, já contabilizado o consumo do Arla 32.

A Mercedes-Benz apresentou o Urban e-Truck, o primeiro caminhão totalmente elétrico com PBT de 26 toneladas. O Urban eTruck possui alcance de até 200 quilômetros. A alimentação do caminhão é fornecida por três módulos de baterias lítio-íon, que ficam alojadas no quadro do chassi, protegidas contra choques.

Weltpremiere für den Mercedes-Benz urban eTruck: lokal emissionsfreier und leiser Verteilerverkehr

COMPARTILHAR
Artigo anteriorFastback é o sedã médio da Ford
Próximo artigoA1 Sport chega ao Brasil
O site AUTOS&MOTOS reúne a opinião e a produção de textos do jornalista automotivo Roberto Nunes. Mande suas sugestões e críticas para o e-mail mr.robertonunes@autosemotos.com Acompanhe as redes sociais pelo instagram - @autosemotostv ou @ nunes_roberto - e pelo twitter - @autosemotostv e @nunesautobrasil. Siga a fanpage do Autos&Motos no facebook. Inscreve-ase no canal do YouTube www.youtube.com/autosemotostv

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA