COMPARTILHAR

A Honda, líder do segmento de duas rodas no Brasil, detém quase 80% do mercado e sempre traz suas novidades para o mercado. Um deles é o scooter PCX. O modelo de uso urbano ganhou mudanças visuais e mais equipamentos para ampliar sua liderança frente aos rivais no país.
Feita na fábrica de Manaus, a PCX vem equipada com motor de 149,3 cm², com sistema OHC (Over Head Camshaft), 4 tempos, injeção eletrônico PGM-FI (Programmed Fuel Injection) e arrefecimento líquido. A potência máxima é de 13,1 cv a 8.500 rpm e torque máximo de 1,36 kgf.m a 5.000 rpm. O propulsor já está dentro dos padrões exigidos pela segunda fase do Promot 4 (Programa de Controle da Poluição do Ar por Motociclos e Veículos Similares).
Autos e Motos traz ainda outras motos em destaque. A italiana Ducati está com a XDiavel, modelo alongado e de design forte e musculoso. Tem motor 1262 cm3 de cilindrada, usando o Ducati Testastretta L-Twin com DVT (Desmodromic Variable Timing), comando de válvulas, dois cilindros em “L”, de 1.262 cm3 para gerar 156 cavalos (a 9500 rpm) de potência máxima e 13,35 kgf.m (já a 5000 giros) de torque máximo. Tem ainda a esportiva Superleggera.
Veja ainda os planos da americana Harley-Davidson. A Bahia volta a ter revenda exclusiva HD em 2018, segundo executivo da marca entrevista durante o Salão Duas Rodas. Tem ainda as motos da Yamaha e a nova Ninja 400, modelo da japonesa Kawasaki que substitui a Ninjinha 300

 

 

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA