Segunda geração do Land Rover Evoque é um mini-Velar

O novo Evoque eleva ainda mais o nível da família Range Rover da fabricante inglesa Land Rover, controlada pelo grupo indiano Tata Mators.  O Evoque ficou mais tecnológico, eficiente e moderno. Maior sucesso da Land Rover nas últimas décadas, o crossover chega oficialmente ao mercado brasileiro.

Troca o passaporte Brasil e volta com o carimbo inglês, sendo produzido na fábrica de Halewood, no Reino Unido. Em breve, haverá versão com motor diesel e a flex. Porém, a Land Rover usa no 2.0 biturbo de quatro cilindros a tecnologia híbrida leve. Poe enquanto, a Land Rover oferece a versão R-Dynamic HSE, topo de linha do modelo, por R$ 322.300. Chega em período de pré-vendas em todas as concessionárias Jaguar Land Rover do País; O Evoque conta com opcionais como o kit de design exterior “black pack”, que oferece um visual ainda mais arrojado com uma série de detalhes em preto na traseira, na dianteira e nas saídas de ar laterais do veículo. Ele também é o único no segmento a oferecer, de série, ajuste elétrico de coluna de direção.

Lançado em 2011, o Range Rover Evoque já chegou a casa das 750 mil unidades comercializadas em todo o mundo, sendo 27 mil carros só no mercado brasileiro. A segunda geração do Range Rover usa muito do Velar. Assim, é um mini-Velar. Ganha maior requinte nos detalhes do interior e no design externo. O novo Range Rover Evoque vem equipado com o motor Ingenium P300 a gasolina de 2.0 litros, que desenvolve 300 cv de potência e 40,8 Kgfm de torque. O propulsor é acompanhado da tecnologia MHEV – Mid Hybrid Electric Vehicle, na sigla em inglês – que utiliza a energia cinética gerada pela desaceleração do modelo para alimentar uma bateria de 48V que trabalha de forma auxiliar ao motor à combustão. A transmissão automático  ZF é de 9 velovidades, com opção para trocas manuais por meio de “borboletas” na parte de trás do volante. Segundo a fabricante, o modelo faz 100 km/h em apenas 6,6 segundos e atinge a velocidade máxima de 242 km/h.

 

Sua estrutura foi completamente reformulada e traz um chassi 13% mais rígido em relação à versão anterior, o que garante ainda mais estabilidade e reduz drasticamente os níveis de vribração e ruído dentro do habitáculo. A distância entre-eixos do modelo ficou 21mm maior, o que, aliado ao novo desenho de suspensção traseira, mais compacta e leve, proporciona ao novo Evoque um porta-malas com 591 litros de capacidade, 8% a mais em relação à versão anterior, além de maior espaço para pernas aos passageiros do banco de trás. A suspensão traseira Integral Link separa as forças laterais e longitudinais para maximizar o controle e a agilidade, proporcionando maior conforto e mais confiança em estrada. Na dianteira, a suspensão McPherson Hydro incorpora uma série de componentes hidráulicos que minimizam as vibrações que podem ser transmitidas ao volante na condução velocidade elevada.

O novo Evoque possui altura em relação ao solo de 212 mm> Já os ângulos de ataque e saída são 25°  e 30,6°, respetivamente. Traz ainda sistemas como o Hill Descent Control, o Gradient Release Control e o All-Terrain Progress Control. De série, vem com o sistema Terrain Response 2. O condutor pode escolher entre quatro modos de direção (Asfalto, Areia, Grama-Cascalho-Neve e Lama-Buracos) e conta com o modo Automático, que permite o Evoque selecionar o modo mais apropriado para as condições e ajustando as configurações de tração, suspensão e relação de marchas automaticamente, de acordo com o tipo de terreno. Entre os outros itens, estão o sistema de câmera traseira, Controle de Cruzeiro Adaptativo com Assistente de Direção, sistema de Assistência à Manutenção da Faixa, a Frenagem Autônoma de Emergência e o Monitor de Atenção do Condutor para manter os passageiros seguros.

 

Veja também...

Veja mais
Carregar mais