Toro Ultra mais parece um SUV; caçamba fechada faz a diferença

Por Roberto Nunes

 

A Toro – picape da Fiat produzida no complexo automotivo de Goiana, Pernambuco – chegou com tudo em 2016 e hoje tem a configuração Ultra, a de caçamba fechada, como a topo da gama no mercado nacional. Com o compartimento de carga protegido por uma capota rígida, a Toro Ultra é, quase, um SUV.
Assim, a picape da Fiat fica com 937 litros de porta-malas, e tudo bem guardado e num local totalmente fechado.
Sem SUV ainda no portfólio – o Fiat Pulse deve chegar já já no mercado – a marca italiana conseguiu resolver parcialmente essa lacuna com a Toro Ultra. Para garantir a segurança, há um sistema anti-furto, maçaneta de abertura interna e uma alça de fechamento. Assim, é possível transportar até 100 kg de peso.
A Toro Ultra estacionou na #garagemdonunes para avaliação do site Autos e Motos. Seu conjunto motriz é o mais ajustado para um modelo que fica acima de uma picape compacta e abaixo de uma picape média. Sob o capô o bom motor 2.0 turbodiesel, de 170 cv e 35,7 kgfm de torque, com câmbio automático de 9 velocidades e tração 4×4.
É uma picape mais para situações urbanas mas também se sai bem nas estradas vicinais da zona rural.
Marca do grupo Stellantis, a Fiat usa muitos componentes disponíveis na Jeep. É possível afirmar que Toro, Renegade e Compass são primos-irmãos. A Toro vem com duas tomadas12V; duas entradas USB, 6 Alto Falantes, 7 Airbags (motorista e passageiro, laterais, cortinas e joelho) e ASR (Controle de Tração). Há ainda abertura elétrica do bocal de abastecimento, acabamento com pintura em preto na moldura do rádio, saídas de ar, alça da porta e volante, alarme antifurto, apoia-braço central dianteiro com porta-objetos e porta-copos.
A picape tem também ar condicionado digital dual zone, badges externos da versão Ultra, banco do motorista com regulagem elétrica (assento em 8 posições), bancos em couro preto (vinil + couro) com gravação a laser da logo nos encostos dianteiros e barras longitudinais no teto. A  central multimídia com tela de 7′ touchscreen tem sistema Apple CarPlay wireless e Android Auto wireless. Entre os mimos, a Toro tem comandos de voz Bluetooth, MP3, Rádio AM/FM, entrada auxiliar, porta USB e computador de Bordo (distância, consumo médio, consumo instantâneo, autonomia, velocidade média e tempo de percurso).
O pacote mecânico da Toro traz ainda direção elétrica, ESP (Controle Eletrônico de Estabilidade), Engate Reboque Removível Traseiro e Espelho no para-sol lados motorista e passageiro.
A segurança da Toro é um item a mais com faróis com sistema DRL, farois de neblina com sistema Cornering, Follow me home, além de gancho universal para fixação cadeira criança (Isofix), ganchos para amarração de carga na caçamba, freios ABS com EBD, Hill Holder, Hill descent control e iluminação interna com efeito night design.
O motorista tem sistema de partida remota, piloto automático com controlador de velocidade e um quadro de instrumentos com display de 7″ colorido com relógio digital, calendário e indicador de temperatura externa multifuncional. As rodas são em liga leve de 18 polegadas com pneus 225/60 R18 (prata lunar) e há santoantonio integrado a capota, segunda luz de ré, sensor crepuscular, sensor de chuva e sensor de estacionamento traseiro com câmera de ré.
A condução é das melhores e há um volante em couro multifuncional com regulagem de altura e profundidade e alavancas de seleção das marchas tipo borboleta. Depois de tudo isso, a Fiat cobra perto dos R$ 190 mil pela picape Toro Ultra, preço bem abaixo das picapes médias que estão na faixa acima dos R$ 200 mil.

Veja também...

Veja mais
Carregar mais